MINISTÉRIO GRAÇA E PAZ

MINISTÉRIO GRAÇA E PAZ - EDIFICANDO O CARÁTER E A LIDERANÇA NA IGREJA DO SENHOR JESUS CRISTO

UNIVERSIDADE TEOLÓGICA GRAÇA E PAZ – Site: https://sites.google.com/site/icfeinstitutocristaodeformacao/

(Gênesis 17:1) - "Eu Sou o Deus Todo-poderoso; anda em minha presença e sê íntegro".

(Levítico 19:2) - "Portanto, santificai-vos e sede santos, pois Eu sou o Senhor vosso Deus";

(Provérbios 14:34) - "A justiça exalta os povos, mas o pecado é a vergonha das nações".

(Apocalipse 22:11) - Quem é injusto, faça injustiça ainda; e quem está sujo, suje-se ainda; e quem é justo, faça justiça ainda; e quem é santo, seja santificado ainda.

domingo, 29 de janeiro de 2012

* 11- CUIDANDO DA VINHA E COMPARTILHANDO OS SEUS FRUTOS: A VINHA DAS NOSSAS ESCOLHAS...




Estamos no Ocidente no início do ano de 2012, e, hoje gostaríamos que você refletisse conosco sobre a realidade de que o nosso presente é fruto das nossas escolhas que fizemos no passado (daquilo que plantamos no tempo passado em todas as dimensões existenciais de nossa vida) e o nosso futuro revelará as escolhas que estamos fazendo em nosso tempo presente. Portanto, gostaria que você me acompanhasse esta reflexão a qual será baseada no texto de Gênesis 2: 8-9 e 15-17:
8 - E plantou o SENHOR Deus um jardim no Éden, do lado oriental; e pôs ali o homem que tinha formado.
9 - E o SENHOR Deus fez brotar da terra toda a árvore agradável à vista, e boa para comida; e a árvore da vida no meio do jardim, e a árvore do conhecimento do bem e do mal.
15 - E tomou o SENHOR Deus o homem, e o pôs no jardim do Éden para o lavrar e o guardar.
16 - E ordenou o SENHOR Deus ao homem, dizendo: De toda a árvore do jardim comerás livremente,
17 - Mas da árvore do conhecimento do bem e do mal, dela não comerás; porque no dia em que dela comeres, certamente morrerás.
Você já parou para pensar no fato de que desde o surgimento do primeiro casal de humanos na Terra nos é apresentado até hoje, pelo livre arbítrio dado por DEUS, as opções de escolhermos entre viver em comunhão com DEUS, aprendendo com ELE (que todos os finais da tarde visitava este casal) sobre como devemos viver na Terra ou vivermos separados DELE decidindo por nós mesmos(as) e para o planeta em que vivemos o que achamos que é certo e bom para nós, para outras pessoas e para todo o planeta?
Você observou que a Bíblia informa que os seres humanos tinham acesso à Árvore da Vida (podiam comer dela livremente) e perderam este acesso quando decidiram trocar a Árvore da Vida pela Árvore do Conhecimento do Bem e do Mal e, por isso mesmo, foram expulsos do Éden, perdendo o acesso à esta Árvore da Vida?
Sabe, o curioso é que até hoje, mesmo fora do Jardim do Éden, pelo livre arbítrio continuamos a ter estas duas alternativas diante de nós...
Curioso também é podermos ver que, ao longo da trajetória da existência humana na Terra, infelizmente a grande maioria dos seres humanos continua a optar por continuar com a mesma intenção que estava por trás da atitude de iniciativa de comer a Árvore do Conhecimento do Bem e do Mal: decidir aos seus próprios olhos o que é certo e errado não se importando com as conseqüências para si mesmo(a), para as outras pessoas e para a Terra, sendo por isso mesmo que o Jardim do Éden até hoje nos é vedado entrar lá novamente!
Interessante é constatarmos esta realidade inclusive quando DEUS alerta a Caim antes dele cometer o primeiro homicídio ocorrido na Terra, conforme a Bíblia registra em Gênesis 4:3-7:
3 - E aconteceu ao cabo de dias que Caim trouxe do fruto da terra uma oferta ao SENHOR.
4 - E Abel também trouxe dos primogênitos das suas ovelhas, e da sua gordura; e atentou o SENHOR para Abel e para a sua oferta.
5 - Mas para Caim e para a sua oferta não atentou. E irou-se Caim fortemente, e descaiu-lhe o semblante.
6 - E o SENHOR disse a Caim: Por que te iraste? E por que descaiu o teu semblante?
7 - Se bem fizeres, não é certo que serás aceito? E se não fizeres bem, o pecado jaz à porta, e sobre ti será o seu desejo, mas sobre ele deves dominar.
Este episódio nos mostra que Caim decidiu aos seus próprios olhos qual a oferta de re-ligação, adoração e de sinal de comunhão que agradaria a DEUS quando DEUS mesmo já havia revelado aos seus pais Adão e Eva (Gênesis 3:15, 21) que apenas um sacrifício substitutivo de um ser inocente poderia anular a legalidade do poder de Satanás sobre a vida dos seres humanos e na Terra, legalidade esta atestada e reivindicada pelo próprio Satanás (Lucas 4: 1-13).
Assim, por isso a oferta de Abel foi aceita, pois trazia à memória que DEUS em algum dia cumpriria a sua promessa de resgate da humanidade, sacrifício este que era lembrado todas as vezes que a humanidade realizou desde Abel, passando por Abraão (no episódio de Isaque sendo pedido como sacrifício e sendo salvo por ordem de um anjo e pela providência do surgimento de um animal que foi sacrificado no lugar de Isaque, Gênesis 22) e por todos os ritos com sangue da Lei Mosaica.
Interessante também é notarmos que em todos os livros da Bíblia, do Gênesis ao Apocalipse, vemos continuamente DEUS alertando de forma direta e/ou indireta e de diferentes modos sobre as duas opções que a humanidade tem diante de si mesma para escolher e as conseqüências destas escolhas, ou seja, de optar por uma existência na Terra em comunhão com DEUS x uma existência na Terra sem comunhão com DEUS, escolha esta que DEUS respeita até mesmo depois da morte das pessoas, sendo por isso mesmo que existe uma eternidade com DEUS (Céu) e uma eternidade sem DEUS (inferno e depois a segunda morte que é o lago de fogo, Apocalipse 20: 11-15)!
Portanto, este início de ano mostra que mais uma vez, pela Graça de DEUS, a humanidade tem diante de si novos doze meses para, metaforicamente falando, escolher entre comer a Árvore da Vida (ter comunhão com DEUS pelo seu Mediador JESUS CRISTO, o nosso único e suficiente Salvador, Aquele que como o PAI tem a vida em si mesmo, aparecia todo final da tarde para conversar com Adão e Eva no Éden, o único que nos pode dar o acesso à Árvore da Vida e cujas palavras são espírito e vida, João 6) ou continuar a comer a Árvore do Conhecimento do Bem e do Mal (continuar a decidir por si mesma o que é melhor para ela, não se importando com as consequências para si mesma, para as outras pessoas e para toda a Terra, incluindo todos os demais seres vivos animais, vegetais, etc)!
Finalizando, gostaria que você jamais esquecesse que a cada ano que se inicia você tem doze livros que totalizam 365 páginas em branco, com oportunidades de você escolher entre viver em comunhão com Deus ou viver sem comunhão com DEUS, livros este que fazem parte da biblioteca de sua vida a qual um dia será analisada e avaliada por DEUS conforme foi dito pelo sábio Salomão (Eclesiastes 12: 13-14), advertido pelo anjo ao profeta Daniel (Daniel 12:2-3) e relembrado por JESUS (João 5: 29; Apocalipse 21:11-15).
Estes livros consistem na oportunidade de você mesmo(as) escrever e/ou re-escrever a sua história de vida, portanto, se até a presente data a biblioteca de sua vida está repleta de exemplares que revelam que até hoje você tem optado comer da Árvore do Conhecimento do Bem e do Mal, eis aí mais uma oportunidade para você começar a ocupar esta biblioteca com livros que mostrarão que você decidiu fazer o Caminho de volta ao Jardim do Éden, Caminho este apontado por JESUS:
“ Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim.” (João 14:6)
“ E mostrou-me o rio puro da água da vida, claro como cristal, que procedia do trono de Deus e do Cordeiro.
No meio da sua praça, e de um e de outro lado do rio, estava a árvore da vida, que produz doze frutos, dando seu fruto de mês em mês; e as folhas da árvore são para a saúde das nações.
E ali nunca mais haverá maldição contra alguém; e nela estará o trono de Deus e do Cordeiro, e os seus servos o servirão.
E verão o seu rosto, e nas suas testas estará o seu nome.
E ali não haverá mais noite, e não necessitarão de lâmpada nem de luz do sol, porque o Senhor Deus os ilumina; e reinarão para todo o sempre.
E disse-me: Estas palavras são fiéis e verdadeiras; e o Senhor, o Deus dos santos profetas, enviou o seu anjo, para mostrar aos seus servos as coisas que em breve hão de acontecer.
Eis que presto venho: Bem-aventurado aquele que guarda as palavras da profecia deste livro.
E disse-me: Não seles as palavras da profecia deste livro; porque próximo está o tempo.
Quem é injusto, faça injustiça ainda; e quem está sujo, suje-se ainda; e quem é justo, faça justiça ainda; e quem é santo, seja santificado ainda.
E, eis que cedo venho, e o meu galardão está comigo, para dar a cada um segundo a sua obra.
Eu sou o Alfa e o Ômega, o princípio e o fim, o primeiro e o derradeiro.
Bem-aventurados aqueles que guardam os seus mandamentos, para que tenham direito à árvore da vida, e possam entrar na cidade pelas portas.
Ficarão de fora os cães e os feiticeiros, e os que se prostituem, e os homicidas, e os idólatras, e qualquer que ama e comete a mentira.
Eu, Jesus, enviei o meu anjo, para vos testificar estas coisas nas igrejas. Eu sou a raiz e a geração de Davi, a resplandecente estrela da manhã.
E o Espírito e a esposa dizem: Vem. E quem ouve, diga: Vem. E quem tem sede, venha; e quem quiser, tome de graça da água da vida.” (Apocalipse 22:1-7; 10-17).

Pra.Carmem (Pra. Acsa)

Nenhum comentário: