MINISTÉRIO GRAÇA E PAZ

MINISTÉRIO GRAÇA E PAZ - EDIFICANDO O CARÁTER E A LIDERANÇA NA IGREJA DO SENHOR JESUS CRISTO

UNIVERSIDADE TEOLÓGICA GRAÇA E PAZ – Site: https://sites.google.com/site/icfeinstitutocristaodeformacao/

(Gênesis 17:1) - "Eu Sou o Deus Todo-poderoso; anda em minha presença e sê íntegro".

(Levítico 19:2) - "Portanto, santificai-vos e sede santos, pois Eu sou o Senhor vosso Deus";

(Provérbios 14:34) - "A justiça exalta os povos, mas o pecado é a vergonha das nações".

(Apocalipse 22:11) - Quem é injusto, faça injustiça ainda; e quem está sujo, suje-se ainda; e quem é justo, faça justiça ainda; e quem é santo, seja santificado ainda.

domingo, 5 de maio de 2013

* 18- CUIDANDO DA VINHA E COMPARTILHANDO O SEU FRUTO: A VINHA DE NOSSA JORNADA DE PEREGRINAÇÃO NA TERRA




Boa Tarde, Querido(a) Leitor(a):



A nossa reflexão de hoje é um convite para uma análise pessoal que cada um de nós precisamos fazer em nosso dia a dia enquanto peregrinamos neste planeta chamado Terra... Ela está baseada nos relatos Bíblicos de Lucas 4: 1-13 e João 14:30, conforme descreveremos abaixo:

(Lucas 4:1) - E JESUS, cheio do Espírito Santo, voltou do Jordão e foi levado pelo Espírito ao deserto;

(Lucas 4:2) - E quarenta dias foi tentado pelo diabo, e naqueles dias não comeu coisa alguma; e, terminados eles, teve fome.

(Lucas 4:3) - E disse-lhe o diabo: Se tu és o Filho de Deus, dize a esta pedra que se transforme em pão.

(Lucas 4:4) - E Jesus lhe respondeu, dizendo: Está escrito que nem só de pão viverá o homem, mas de toda a palavra de Deus.

(Lucas 4:5) - E o diabo, levando-o a um alto monte, mostrou-lhe num momento de tempo todos os reinos do mundo.

(Lucas 4:6) - E disse-lhe o diabo: Dar-te-ei a ti todo este poder e a sua glória; porque a mim me foi entregue, e dou-o a quem quero.

(Lucas 4:7) - Portanto, se tu me adorares, tudo será teu.

(Lucas 4:8) - E Jesus, respondendo, disse-lhe: Vai-te para trás de mim, Satanás; porque está escrito: Adorarás o Senhor teu Deus, e só a ele servirás.

(Lucas 4:9) - Levou-o também a Jerusalém, e pô-lo sobre o pináculo do templo, e disse-lhe: Se tu és o Filho de Deus, lança-te daqui abaixo;

(Lucas 4:10) - Porque está escrito: Mandará aos seus anjos, acerca de ti, que te guardem,

(Lucas 4:11) - E que te sustenham nas mãos, Para que nunca tropeces com o teu pé em alguma pedra.

(Lucas 4:12) - E Jesus, respondendo, disse-lhe: Dito está: Não tentarás ao Senhor teu Deus.

(Lucas 4:13) - E, acabando o diabo toda a tentação, ausentou-se dele por algum tempo.

(João 14:30) - Já não falarei muito convosco, porque se aproxima o príncipe deste mundo, e nada tem em mim;

Estes dois trechos Bíblicos mostram respectivamente o início e final do ministério de JESUS. O primeiro texto mostra quando após ter sido batizado JESUS foi ao deserto para um período de consagração quando então foi tentado pelo Diabo. O segundo texto mostra o final do Seu ministério quando antes de ter sido preso passou instruções finais aos Seus discípulos.

JESUS, assim como todo e qualquer ser humano, foi em tudo tentado, porém, jamais pecou porque jamais cedeu um milésimo de milímetro que fosse de sua vida para que o Diabo O vencesse e tivesse autoridade (domínio) sobre ELE, sendo por isto que ELE, JESUS, disse em suas instruções finais, conforme vimos no texto Bíblico transcrito, que Satanás (o Príncipe das potestades do ar que infelizmente ainda governa este planeta Terra pela autorização da maioria dos seres humanos, Efésios 2: 1-3) nada tinha Nele! Portanto, JESUS apesar de ter sido tentado em todas as dimensões existenciais da vida humana jamais pecou, logo, o Diabo não adquiriu direito legal algum sobre a vida de JESUS (João 8:46; 14:30; I Pedro 2: 22; Hebreus 4: 14 -16)!

As tentações que JESUS passou quando esteve no deserto nos trazem vários ensinamentos, pois elas mostram todas as áreas da vida pessoal e os momentos em que nos tornamos frágeis e vulneráveis para sermos tentados pelo Diabo. E, infelizmente, todos os seres humanos, com exceção de JESUS, já caíram em alguma destas ou outros tipos de tentações, sendo por isto que a Bíblia nos diz que “todos pecaram e destituídos estão da glória de DEUS”, sendo justificados gratuitamente pela sua graça, pela redenção que há em Cristo Jesus” (Romanos 3: 23-24). Vale ainda salientar, que mesmo as pessoas que nasceram de novo em CRISTO, estão sujeitas a cair em tentações, sendo por isto mesmo que JESUS nos ensina a estarmos sempre alerta, em constante vigilância e permanentemente enxertados Nele (Mateus 26: 36-41; João 15; Lucas 9: 23-26)!

Analisemos então as tentações que JESUS enfrentou no deserto, seus significados e como ELE venceu cada uma, pois com certeza, este episódio narrado da vida de JESUS tem muito a nos ensinar:

1)  Desertos são períodos difíceis de solidão, onde nos confrontamos com nós mesmos(as) e até parece que não vai ter fim e nem mesmo DEUS está nos vendo e escutando! Costumam se apresentar como períodos de grande perigo para o ser humano, pois mostram as nossas fragilidades e vulnerabilidades a toda e qualquer investida de Satanás contra a nossa vida no sentido de nos afastar de DEUS e de nos destruir! E, podemos ser levados a desertos por diferentes motivos: momento de consagração a DEUS para buscar direção para algo específico, perda de um ente querido, doença, privação financeira, traição de um amigo(a), colega de trabalho ou cônjuge, solidão por estar longe da família, solidão pela síndrome do ninho vazio (quando os filhos ou irmãos saem de casa para morar em outro local e a pessoa fica só inclusive por não ter um cônjuge...), etc. Com certeza, creio que cada ser humano que já viveu ou está vivo neste planeta já passou ou passará por algum período de deserto em sua vida pessoal...

2)  JESUS foi ao deserto para ter um momento de consagração a DEUS. Após este momento de consagração que durou 40 dias ELE teve fome! Nada mais natural do que alguém ter fome e buscar satisfazer este desejo! Porém, neste caso, a questão crucial é: diante dos seus desejos e necessidades naturais de ser humano (sede, fome, sexo, necessidade de reconhecimento, etc.) como você procura satisfazê-los? Nesta tentação Satanás questionou a divindade de JESUS e O provocou para que satisfizesse o desejo natural da fome quebrando uma lei natural estabelecida por DEUS ao sugerir que pedras fossem transformadas em pães! Ora, uma pedra é uma pedra, um pão é um pão e pedras foram criadas para serem pedras e servirem para outros propósitos e não para serem transformadas em pães! Isto não significa que JESUS não tivesse poder para fazer esta transformação, pois ELE transformou água em vinho de melhor qualidade numa festa de casamento, porém, JESUS fez isto não para benefício próprio e nem para se exibir, mas, sim, para ajudar outras pessoas por uma solicitação de sua mãe e não devido a uma sugestão, conselho ou provocação de Satanás! Se JESUS tivesse dado ouvidos ao Diabo nesta tentação estava assumindo ao Diabo como Seu conselheiro e autoridade sobre a Sua vida! E aí vem o primeiro ensinamento: ao ser humano só é lícito satisfazer as suas necessidades de acordo com os princípios e limites estabelecidos por DEUS! Assim a fome, a sede, o sexo, a necessidade de reconhecimento, etc, devem ser satisfeitas de forma honesta e correta sem que a pessoa se meta com coisa alguma errada, logo, roubar, praticar crimes de corrupção ativa ou passiva, se prostituir sexualmente (seja por relações sexuais sem está casado, relações extraconjugais, homossexualismo, sodomia mesmo entre casais heterossexuais, sexo oral, etc.), usar de meios ilícitos para ser reconhecido, etc, visando satisfazer suas necessidades é passar além dos limites estabelecidos por DEUS, até mesmo porque estes atos prejudicam outras pessoas! Como você está satisfazendo suas necessidades? Salomão recomendou como princípio de sabedoria para uma pessoa que quer seguir a DEUS que “sejam sempre alvas as tuas vestes, e jamais falte óleo sobre a sua cabeça” (Eclesiastes 9: 7-9) devendo-se aplicar este princípio para todas as necessidades humanas inclusive na questão da sexualidade conforme o próprio texto indica! JESUS venceu esta tentação de satisfazer as suas necessidades de qualquer modo e forma declarando que “nem só de pão viverá o homem, mas de toda palavra de DEUS” (Lucas 4: 4), ou seja, ELE mostrou que devemos resistir pela obediência à Palavra de DEUS à tentação de satisfazer nossas necessidades de qualquer jeito, quebrando os princípios e limites estabelecidos por DEUS, os quais foram estabelecidos para o nosso próprio bem e das outras pessoas!   

3)  Na segunda tentação o Diabo levou JESUS a um alto monte e mostrou-lhe num momento de tempo todos os reinos da Terra e a sua glória e disse a JESUS que lhe daria todos estes reinos e sua glória se ELE se prostrasse diante dele, pois todos estes reinos pertenciam a ele que poderia dar a quem quisesse! Veja bem: realmente, naquele momento e condição espiritual da humanidade todos os reinos e glória deles estavam sob o domínio de Satanás, pois foram entregues a ele por Adão e Eva! Assim, o Diabo propôs que JESUS conquistasse o objetivo de Sua missão de conquista dos corações das pessoas e, consequentemente, o poder de influenciar povos, nações e governos trocando a comunhão, obediência, fidelidade e serviço ao PAI pelo pacto de parceria, obediência, fidelidade e serviço incondicional a ele! Sabe, infelizmente, até hoje a maior parte da humanidade continua a trocar a comunhão, fidelidade, obediência e serviço a DEUS pela escravidão ao Diabo através da subserviência ao pecado! É sabido o fato da existência de pessoas desde as mais simples até os empresários, artistas, cantores(as), agremiações políticas e religiosas, políticos, governantes, sociedades secretas, etc., que fazem pactos com Satanás para obter status, favores, privilégios, fama, reconhecimento, riquezas, curas na saúde, poder, etc.! É por isto mesmo que JESUS diz que “larga é a porta, e espaçoso o caminho que conduz à perdição, e muitos são os que entram por ela” (Mateus 7: 13-14). Embora depois da morte e ressurreição de JESUS todo poder e autoridade no Céu e na Terra pertençam a ELE, JESUS (por direito de Criador e Redentor da humanidade), Satanás continua ainda agindo como se fosse o Príncipe e Senhor da Terra e isto por causa da autorização da grande parte dos seres humanos que não aceita a autoridade e libertação de JESUS (João 8: 31-36)! E olha que não são apenas os incrédulos que têm trocado a fidelidade e serviço a DEUS pela fidelidade e serviço ao Diabo! Saiba você, que se diz Cristão, que quando para obter status, favores, privilégios, fama, reconhecimento, riquezas, curas na saúde, poder, etc., troca a obediência do princípio da honestidade para se meter com atividades ilícitas seja na escola, no trabalho, etc., com certeza está trocando o Maná Celestial (JESUS) pelos manjares de Babilônia! Saiba você, que é ou não liderança eclesiástica que quando troca o ministério da Palavra (pregação e testemunho do Evangelho) para se filiar e concorrer ou não a disputas eleitorais por uma agremiação política que não verifica e nem impõe critérios e limite algum nas doações que recebe, recebendo assim doações de narcotraficantes, contrabandistas, bicheiros, corruptos que desviam recursos públicos, etc., ou quando então mesmo não se filiando, mas, induz a congregação religiosa que administra a apoiar agremiações políticas e candidatos que aceitam estas doações e políticos/governantes corruptos que inclusive defendem aprovações de leis que vão de encontro aos princípios estabelecidos por DEUS (legalização do aborto, das drogas, da união homossexual, da prostituição como "profissão", da manipulação de células tronco a partir de embriões, etc.)  com certeza está trocando a fidelidade e serviço a DEUS pela fidelidade e serviço ao Diabo! E, nesta questão JESUS é muito claro: “sim é sim, não é não, quem não é com ELE é contra ELE e quem com ELE não ajunta, espalha” (Mateus 5: 37; 12: 30)! Portanto, na comunhão, fidelidade e no serviço a DEUS não existe sequer um milésimo de milímetro de espaço para o relativismo ético e moral! Cuidado! Se você está nesta situação acorde enquanto ainda há tempo! Não é de se admirar o fato de JESUS ter mostrado e alertado na parábola das dez virgens (Mateus 25: 1-13) que o noivo ao ter chegado encontrou metade das donzelas dormindo sem azeite as quais não puderam ir para as Bodas! JESUS adverte neste ensinamento sobre a séria possibilidade de 50,0% das pessoas que dizem ser Seus seguidores e estiverem vivas não subirem no arrebatamento (retirada súbita da Terra) e ficarem para pagar com suas próprias vidas a sua salvação durante o período da Grande Tribulação que será marcado pelos juízos de DEUS sobre a humanidade (Mateus 24; Apocalipse capítulos 13 até 19)! Pense nisto e reflita bem se vale mesmo trocar DEUS e a eternidade com ELE pelo poder e glória dos reinos deste mundo obtidos a todo e qualquer custo achando que os fins justificam os meios e que, portanto, vale tudo inclusive se aliar ao Diabo e passar a eternidade com ele! JESUS venceu a tentação de trocar a comunhão, obediência, fidelidade e serviço a DEUS pela parceria de fidelidade e serviço ao Diabo dizendo para o Diabo que “só DEUS é digno e merece ser adorado e servido pelo ser humano e, permanecendo fiel no amor a DEUS”, ou seja, venceu ficando firme no princípio de que apenas DEUS é digno de nossa fidelidade e obediência incondicional e não outro ser humano e nem muito menos o Diabo (Lucas 4: 8; João 15)!

4)  Satanás termina as investidas contra JESUS no deserto levando ELE ao templo em Jerusalém e, mais uma vez questionou a divindade de JESUS e O provocou para que testasse o poder de DEUS quebrando o limite e consequências da lei da gravidade e, inclusive usou de citações das Escrituras (Salmos 91: 12) para justificar e incentivar que JESUS agisse nesta performance sobrenatural exibicionista a qual faria com que ELE chamasse a atenção de todos para si de forma espalhafatosa, desviando assim o foco da adoração e atenção de DEUS, o PAI, para ELE, o Filho! JESUS venceu esta tentação respondendo mais uma vez com as Escrituras dizendo “não tentarás ao Senhor teu DEUS” (Deuteronômio 6: 16). Quantas vezes não vemos pessoas religiosas agindo de forma espalhafatosa no exercício dos dons e ofícios ministeriais dados por DEUS desviando o foco da atenção e da adoração (respeito, elogio, temor, fidelidade, honra, etc.) de DEUS para si mesmas! Na sua atividade ministerial a DEUS (seja ela qual for) o que você faz é para glorificar a DEUS ou a si mesmo, fazendo com que as pessoas deixem de reconhecer a DEUS como DEUS e percam a oportunidade e o privilégio de se relacionarem diretamente com ELE, serem abençoadas e progredirem em todas as dimensões existenciais por este relacionamento de comunhão pessoal com DEUS? Quantas vezes não vemos os artistas, cantores(as) seculares, os atletas, etc, em vez de agradecerem a DEUS, louvando e adorando a ELE como CRIADOR, adorando e louvando ao Diabo e a si mesmo, atraindo para si a glória que só a DEUS pertence? Quantas vezes não vemos os políticos agindo como se fossem deuses e adorando ser idolatrados, ovacionados e aclamados como se a sua voz fosse "voz de Deus e não voz de homem" (Atos 12: 21-23)?

5)  Finalizando a descrição do episódio da tentação de JESUS no deserto veja que o texto informa que o Diabo retirou-se da presença de JESUS até ocasião oportuna! De fato, após este episódio ocorrido no deserto, lendo os quatro Evangelhos nós podemos perceber diferentes ocasiões onde de forma direta e indireta o Diabo tentou várias vezes a JESUS que sempre optou em permanecer fiel ao PAI, sendo por isto mesmo que em um dos debates que teve com as autoridades políticas e religiosas da época ELE disse “quem de vós me convence de pecado”? (João 8: 46) e nas instruções finais que deu aos Seus discípulos disse: “já não falarei muito convosco, porque vem o príncipe deste mundo, e ele nada tem em mim” (João 14: 30).

Você pode até argumentar: olha! Cada um tem os seus problemas, sabe onde o seu calo aperta, sabe o que está passando e quer mais é sair da situação em que está!

Veja bem, a pessoa que vos escreve esta reflexão é alguém que tanto em sua própria vida como na vida de outras pessoas já presenciou a operação abençoadora de DEUS seja na área da saúde (curas de enfermidades incuráveis ou que só a intervenção cirúrgica resolveria), prosperidade, etc, através do Nome de JESUS!

Assim, saiba você, seja quem for e seja qual for a situação que você esteja passando sempre é melhor se chegar a DEUS para aprender como se livrar dos seus problemas sejam eles quais forem e, assim, ser uma pessoa plenamente abençoada em todas as dimensões existenciais da sua vida e que caminha na Terra desfrutando da Graça bendita de DEUS e vai à direção e sentido da eternidade com DEUS! Jamais busque o Diabo, aquele que só vem para “roubar, matar e destruir”, conforme o próprio JESUS nos ensina (João 10: 10) e, é o responsável direto ou indireto pelos problemas em que você se encontra! E, se você fez algum pacto com ele, enquanto você ainda está vivo nesta Terra busque a JESUS aí mesmo confessando este pecado, peça sua libertação a DEUS em nome de JESUS, procure uma Igreja sincera que prega a Palavra genuína de DEUS e seja um(a) leitor(a) e estudante da Bíblia e praticante dos seus ensinamentos!

Saiba que seja você quem for e o que tiver feito pode se chegar diretamente a DEUS em nome de JESUS, pois é o mesmo JESUS quem diz: “eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim” (João 14: 6) e “todo o que o Pai me dá virá a mim; e o que vem a mim de maneira nenhuma o lançarei fora” (João 6:37).    

Portanto, neste tempo de sua peregrinação nesta Terra, o importante é que ao final você e eu possamos olhar para a retrospectiva de nossa existência com a consciência tranquila de que, assim como foi com JESUS, o inimigo não tem direito algum sobre a nossa vida, e possamos dizer como o Apóstolo Paulo:  “combati o bom combate, acabei a carreira, guardei a fé” e “desde agora, a coroa da justiça me está guardada, a qual o Senhor, justo juiz, me dará naquele dia; e não somente a mim, mas também a todos os que amarem a sua vinda”  (II Timóteo 4: 7-8; Apocalipse 3: 10-11)...

A minha oração é para que você leitor(a) que ainda não aceitou a JESUS como seu único e suficiente Salvador se converta enquanto ainda há tempo e possa desfrutar das grandes e maravilhosas bênçãos de DEUS desde já, da comunhão com os irmãos em CRISTO e, suba aos Céus no arrebatamento da Igreja ou quando partir desta vida caso isto ocorra antes do arrebatamento da Igreja.

A minha oração é para que você leitor(a) que já se converteu a JESUS mas está afastado da Igreja volte enquanto ainda há tempo e possa subir aos Céus no arrebatamento da Igreja ou quando partir desta vida caso isto ocorra antes do arrebatamento da Igreja, pois com certeza não tardará o arrebatamento da Igreja, o Dia do Senhor e a volta de JESUS CRISTO.


Pra.Carmem (Pra. Acsa)
        

Nenhum comentário: