MINISTÉRIO GRAÇA E PAZ

MINISTÉRIO GRAÇA E PAZ - EDIFICANDO O CARÁTER E A LIDERANÇA NA IGREJA DO SENHOR JESUS CRISTO

UNIVERSIDADE TEOLÓGICA GRAÇA E PAZ – Site: https://sites.google.com/site/icfeinstitutocristaodeformacao/

(Gênesis 17:1) - "Eu Sou o Deus Todo-poderoso; anda em minha presença e sê íntegro".

(Levítico 19:2) - "Portanto, santificai-vos e sede santos, pois Eu sou o Senhor vosso Deus";

(Provérbios 14:34) - "A justiça exalta os povos, mas o pecado é a vergonha das nações".

(Apocalipse 22:11) - Quem é injusto, faça injustiça ainda; e quem está sujo, suje-se ainda; e quem é justo, faça justiça ainda; e quem é santo, seja santificado ainda.

quarta-feira, 9 de abril de 2014

MAIO, MÊS DAS NOIVAS...




Boa Noite, Amado(a) Leitor(a):

No próximo mês que vem, mês de maio, muitos povos e nações incluindo o Brasil têm o costume cultural de chamá-lo de mês das noivas e dos casamentos, sendo também o mês de acasalamento e reprodução de muitas espécies de animais... Portanto, eu gostaria que os(as) leitores(as) me acompanhassem nesta reflexão de hoje que trata mais uma vez sobre o relacionamento de amor conjugal entre um homem e uma mulher...
Em algumas mensagens postadas neste blog anteriormente abordamos sobre o tema do relacionamento conjugal sadio, sábio e fundamentado nos princípios e valores estabelecidos por DEUS para um homem e uma mulher serem felizes, tema este abordado de forma direta e indireta nas mensagens postadas nos seguintes dias:
- Segunda-feira, 17 de agosto de 2009: “PORQUE O INVERNO JÁ PASSOU, E A PRIMAVERA CHEGOU...”;
- Quarta-feira, 26 de agosto de 2009: “SUSTENTAI-ME COM PASSAS, CONFORTAI-ME COM MAÇAS...”;
- Segunda-feira, 31 de agosto de 2009: “EU SOU DO MEU AMADO E O MEU AMADO É MEU...”;
- Segunda-feira, 17 de agosto de 2009: “O QUE SERÁ FEITO DA IRMÃ MAIS NOVA DAS FILHAS DE JERUSALÉM?”;
- Segunda-feira, 4 de janeiro de 2010: “UMA PESSOA EMOCIONALMENTE BELA E A BELEZA SUSTENTÁVEL ”;
- Segunda-feira, 10 de junho de 2013: “CUIDANDO DA VINHA E COMPARTILHANDO O SEU FRUTO-19: A SUA AUTOESTIMA”;
- Quinta-feira, 20 de junho de 2013: “CUIDANDO DA VINHA E COMPARTILHANDO DO SEU FRUTO-20: VOLTANDO A SER UM PRÍNCIPE OU PRINCESA APÓS UMA DERROTA DEVIDO A UM FEITIÇO SEXUAL”;
- Quinta-feira, 11 de julho de 2013: “A VERDADEIRA BELEZA”...;
- Quinta-feira, 18 de julho de 2013: “ONDE ESTÁ O NOSSO AMADO?”;
- Segunda-feira, 19 de agosto de 2013: “CUIDANDO DA VINHA E COMPARTILHANDO O SEU FRUTO-24: SERÁ QUE A PESSOA QUE VOCÊ PRETENDE SE CASAR É ALGUÉM ADEQUADO(A) PARA GUARDAR AS JÓIAS DA COROA?”;
- Sexta-feira, 30 de agosto de 2013: “CUIDANDO DA VINHA E COMPARTILHANDO O SEU FRUTO-25: MUITO CUIDADO COM A VAIDADE”...;
- Sábado, 23 de novembro de 2013: “CUIDANDO DA VINHA E COMPARTILHANDO O SEU FRUTO-29: RECONSTRUINDO O ALTAR DE DEUS EM SUA VIDA APÓS TER SIDO DERROTADO(A) PELO ESPÍRITO MALIGNO, PRÁTICA E VÍCIO DA IMORALIDADE SEXUAL(1)!”;
- Quarta-feira, 18 de dezembro de 2013: “CUIDANDO DA VINHA E COMPARTILHANDO O SEU FRUTO-30: RECONSTRUINDO O ALTAR DE DEUS EM SUA VIDA APÓS TER SIDO DERROTADO(A) PELO ESPÍRITO MALIGNO, PRÁTICA E VÍCIO DA IMORALIDADE SEXUAL(2)!”.
- Quarta-feira, 5 de março de 2014: CUIDANDO DA VINHA E COMPARTILHANDO O SEU FRUTO-33: OS DEZ MANDAMENTOS – “NÃO MATARÁS”, “NÃO ADULTERARÁS”, “NÃO FURTARÁS”, “NÃO DIRÁS FALSO TESTEMUNHO CONTRA O TEU PRÓXIMO” E “NÃO COBIÇARÁS”
Na mensagem de hoje eu gostaria de falar sobre mais um aspecto do relacionamento de amor e de casamento entre um homem e uma mulher sendo que desta vez analisando o episódio da busca, encontro e casamento de Isaque (filho de Abraão e Sara) com Rebeca e, para isto eu gostaria de lhe trazer descrito o texto Bíblico que narra este episódio na vida de Abraão, Isaque e Rebeca envolvendo inclusive o mordomo de Abraão (chamado Eliezer) a quem Abraão lhe deu a missão de ir buscar uma esposa para seu filho Isaque:
(Gênesis 24:1) - E ERA Abraão já velho e adiantado em idade, e o SENHOR havia abençoado a Abraão em tudo.
(Gênesis 24:2) - E disse Abraão ao seu servo, o mais velho da casa, que tinha o governo sobre tudo o que possuía: Põe agora a tua mão debaixo da minha coxa,
(Gênesis 24:3) - Para que eu te faça jurar pelo SENHOR Deus dos céus e Deus da terra, que não tomarás para meu filho mulher das filhas dos cananeus, no meio dos quais eu habito.
(Gênesis 24:4) - Mas que irás à minha terra e à minha parentela, e dali tomarás mulher para meu filho Isaque.
(Gênesis 24:5) - E disse-lhe o servo: Se porventura não quiser seguir-me a mulher a esta terra, farei, pois, tornar o teu filho à terra donde saíste?
(Gênesis 24:6) - E Abraão lhe disse: Guarda-te, que não faças lá tornar o meu filho.
(Gênesis 24:7) - O SENHOR Deus dos céus, que me tomou da casa de meu pai e da terra da minha parentela, e que me falou, e que me jurou, dizendo: À tua descendência darei esta terra; ele enviará o seu anjo adiante da tua face, para que tomes mulher de lá para meu filho.
(Gênesis 24:8) - Se a mulher, porém, não quiser seguir-te, serás livre deste meu juramento; somente não faças lá tornar a meu filho.
(Gênesis 24:9) - Então pôs o servo a sua mão debaixo da coxa de Abraão seu senhor, e jurou-lhe sobre este negócio.
(Gênesis 24:10) - E o servo tomou dez camelos, dos camelos do seu senhor, e partiu, pois que todos os bens de seu senhor estavam em sua mão, e levantou-se e partiu para Mesopotâmia, para a cidade de Naor.
(Gênesis 24:11) - E fez ajoelhar os camelos fora da cidade, junto a um poço de água, pela tarde, ao tempo que as moças saíam a tirar água.
(Gênesis 24:12) - E disse: Ó SENHOR, Deus de meu senhor Abraão, dá-me hoje bom encontro, e faze beneficência ao meu senhor Abraão!
(Gênesis 24:13) - Eis que eu estou em pé junto à fonte de água e as filhas dos homens desta cidade saem para tirar água;
(Gênesis 24:14) - Seja, pois, que a donzela, a quem eu disser: Abaixa agora o teu cântaro para que eu beba; e ela disser: Bebe, e também darei de beber aos teus camelos; esta seja a quem designaste ao teu servo Isaque, e que eu conheça nisso que usaste de benevolência com meu senhor.
(Gênesis 24:15) - E sucedeu que, antes que ele acabasse de falar, eis que Rebeca, que havia nascido a Betuel, filho de Milca, mulher de Naor, irmão de Abraão, saía com o seu cântaro sobre o seu ombro.
(Gênesis 24:16) - E a donzela era mui formosa à vista, virgem, a quem homem não havia conhecido; e desceu à fonte, e encheu o seu cântaro e subiu.
(Gênesis 24:17) - Então o servo correu-lhe ao encontro, e disse: Peço-te, deixa-me beber um pouco de água do teu cântaro.
(Gênesis 24:18) - E ela disse: Bebe, meu SENHOR. E apressou-se e abaixou o seu cântaro sobre a sua mão e deu-lhe de beber.
(Gênesis 24:19) - E, acabando ela de lhe dar de beber, disse: Tirarei também água para os teus camelos, até que acabem de beber.
(Gênesis 24:20) - E apressou-se, e despejou o seu cântaro no bebedouro, e correu outra vez ao poço para tirar água, e tirou para todos os seus camelos.
(Gênesis 24:21) - E o homem estava admirado de vê-la, calando-se, para saber se o SENHOR havia prosperado a sua jornada ou não.
(Gênesis 24:22) - E aconteceu que, acabando os camelos de beber, tomou o homem um pendente de ouro de meio siclo de peso, e duas pulseiras para as suas mãos, do peso de dez siclos de ouro;
(Gênesis 24:23) - E disse: De quem és filha? Faze-mo saber, peço-te. Há também em casa de teu pai lugar para nós pousarmos?
(Gênesis 24:24) - E ela lhe disse: Eu sou a filha de Betuel, filho de Milca, o qual ela deu a Naor.
(Gênesis 24:25) - Disse-lhe mais: Também temos palha e muito pasto, e lugar para passar a noite.
(Gênesis 24:26) - Então inclinou-se aquele homem e adorou ao SENHOR,
(Gênesis 24:27) - E disse: Bendito seja o SENHOR Deus de meu senhor Abraão, que não retirou a sua benevolência e a sua verdade de meu senhor; quanto a mim, o SENHOR me guiou no caminho à casa dos irmãos de meu senhor.
(Gênesis 24:28) - E a donzela correu, e fez saber estas coisas na casa de sua mãe.
(Gênesis 24:29) - E Rebeca tinha um irmão cujo nome era Labão, o qual correu ao encontro daquele homem até a fonte.
(Gênesis 24:30) - E aconteceu que, quando ele viu o pendente, e as pulseiras sobre as mãos de sua irmã, e quando ouviu as palavras de sua irmã Rebeca, que dizia: Assim me falou aquele homem; foi ter com o homem, que estava em pé junto aos camelos, à fonte,
(Gênesis 24:31) - E disse: Entra, bendito do SENHOR; por que estás fora? pois eu já preparei a casa, e o lugar para os camelos.
(Gênesis 24:32) - Então veio aquele homem à casa, e desataram os camelos, e deram palha e pasto aos camelos, e água para lavar os pés dele, e os pés dos homens que estavam com ele.
(Gênesis 24:33) - Depois puseram comida diante dele. Ele, porém, disse: Não comerei, até que tenha dito as minhas palavras. E ele disse: Fala.
(Gênesis 24:34) - Então disse: Eu sou o servo de Abraão.
(Gênesis 24:35) - E o SENHOR abençoou muito o meu senhor, de maneira que foi engrandecido, e deu-lhe ovelhas e vacas, e prata e ouro, e servos e servas, e camelos e jumentos.
(Gênesis 24:36) - E Sara, a mulher do meu senhor, deu à luz um filho a meu senhor depois da sua velhice, e ele deu-lhe tudo quanto tem.
(Gênesis 24:37) - E meu senhor me fez jurar, dizendo: Não tomarás mulher para meu filho das filhas dos cananeus, em cuja terra habito;
(Gênesis 24:38) - Irás, porém, à casa de meu pai, e à minha família, e tomarás mulher para meu filho.
(Gênesis 24:39) - Então disse eu ao meu senhor: Porventura não me seguirá a mulher.
(Gênesis 24:40) - E ele me disse: O SENHOR, em cuja presença tenho andado, enviará o seu anjo contigo, e prosperará o teu caminho, para que tomes mulher para meu filho da minha família e da casa de meu pai;
(Gênesis 24:41) - Então serás livre do meu juramento, quando fores à minha família; e se não te derem, livre serás do meu juramento.
(Gênesis 24:42) - E hoje cheguei à fonte, e disse: Ó SENHOR, Deus de meu senhor Abraão, se tu agora prosperas o meu caminho, no qual eu ando,
(Gênesis 24:43) - Eis que estou junto à fonte de água; seja, pois, que a donzela que sair para tirar água e à qual eu disser: Peço-te, dá-me um pouco de água do teu cântaro;
(Gênesis 24:44) - E ela me disser: Bebe tu e também tirarei água para os teus camelos; esta seja a mulher que o SENHOR designou ao filho de meu senhor.
(Gênesis 24:45) - E antes que eu acabasse de falar no meu coração, eis que Rebeca saía com o seu cântaro sobre o seu ombro, desceu à fonte e tirou água; e eu lhe disse: Peço-te, dá-me de beber.
(Gênesis 24:46) - E ela se apressou, e abaixou o seu cântaro de sobre si, e disse: Bebe, e também darei de beber aos teus camelos; e bebi, e ela deu também de beber aos camelos.
(Gênesis 24:47) - Então lhe perguntei, e disse: De quem és filha? E ela disse: Filha de Betuel, filho de Naor, que lhe deu Milca. Então eu pus o pendente no seu rosto, e as pulseiras sobre as suas mãos;
(Gênesis 24:48) - E inclinando-me adorei ao SENHOR, e bendisse ao SENHOR, Deus do meu senhor Abraão, que me havia encaminhado pelo caminho da verdade, para tomar a filha do irmão de meu senhor para seu filho.
(Gênesis 24:49) - Agora, pois, se vós haveis de fazer benevolência e verdade a meu senhor, fazei-mo saber; e se não, também mo fazei saber, para que eu vá à direita, ou à esquerda.
(Gênesis 24:50) - Então responderam Labão e Betuel, e disseram: Do SENHOR procedeu este negócio; não podemos falar-te mal ou bem.
(Gênesis 24:51) - Eis que Rebeca está diante da tua face; toma-a, e vai-te; seja a mulher do filho de teu senhor, como tem dito o SENHOR.
(Gênesis 24:52) - E aconteceu que, o servo de Abraão, ouvindo as suas palavras, inclinou-se à terra diante do SENHOR.
(Gênesis 24:53) - E tirou o servo jóias de prata e jóias de ouro, e vestidos, e deu-os a Rebeca; também deu coisas preciosas a seu irmão e à sua mãe.
(Gênesis 24:54) - Então comeram e beberam, ele e os homens que com ele estavam, e passaram a noite. E levantaram-se pela manhã, e disse: Deixai-me ir a meu senhor.
(Gênesis 24:55) - Então disseram seu irmão e sua mãe: Fique a donzela conosco alguns dias, ou pelo menos dez dias, depois irá.
(Gênesis 24:56) - Ele, porém, lhes disse: Não me detenhais, pois o SENHOR tem prosperado o meu caminho; deixai-me partir, para que eu volte a meu SENHOR.
(Gênesis 24:57) - E disseram: Chamemos a donzela, e perguntemos-lho.
(Gênesis 24:58) - E chamaram a Rebeca, e disseram-lhe: Irás tu com este homem? Ela respondeu: Irei.
(Gênesis 24:59) - Então despediram a Rebeca, sua irmã, e sua ama, e o servo de Abraão, e seus homens.
(Gênesis 24:60) - E abençoaram a Rebeca, e disseram-lhe: Ó nossa irmã, sê tu a mãe de milhares de milhares, e que a tua descendência possua a porta de seus aborrecedores!
(Gênesis 24:61) - E Rebeca se levantou com as suas moças, e subiram sobre os camelos, e seguiram o homem; e tomou aquele servo a Rebeca, e partiu.
(Gênesis 24:62) - Ora, Isaque vinha de onde se vem do poço de Beer-Laai-Rói; porque habitava na terra do sul.
(Gênesis 24:63) - E Isaque saíra a orar no campo, à tarde; e levantou os seus olhos, e olhou, e eis que os camelos vinham.
(Gênesis 24:64) - Rebeca também levantou seus olhos, e viu a Isaque, e desceu do camelo.
(Gênesis 24:65) - E disse ao servo: Quem é aquele homem que vem pelo campo ao nosso encontro? E o servo disse: Este é meu SENHOR. Então tomou ela o véu e cobriu-se.
(Gênesis 24:66) - E o servo contou a Isaque todas as coisas que fizera.
(Gênesis 24:67) - E Isaque trouxe-a para a tenda de sua mãe Sara, e tomou a Rebeca, e foi-lhe por mulher, e amou-a. Assim Isaque foi consolado depois da morte de sua mãe.
Sinceramente, eu vejo este episódio narrado pela Bíblia sobre a procura, busca e encontro de uma esposa para Isaque uma das mais incríveis e belas Histórias de amor entre um homem e uma mulher que já ocorreu na humanidade! E por que isto? Pelos seguintes motivos:
a) Abraão, pai de Isaque, no tempo certo, se preocupou e teve o cuidado e iniciativa de procurar uma esposa adequada para o seu filho e não poupou esforços e nem recursos financeiros para este empreendimento e, inclusive instruiu o seu mordomo (Eliezer) de como ele deveria buscar esta esposa e colocou esta busca nas mãos de DEUS para que DEUS guiasse e fizesse prosperar o seu mordomo fiel nesta busca! Quem dera que todos os  pais e mães de hoje em dia tivessem este mesmo cuidado, sabedoria e atitude que Abraão teve!
b) Isaque sabia e tinha consciência da seriedade do matrimônio, da união sexual entre duas pessoas e também que fazia parte de uma família e linhagem escolhida por DEUS para ser cabeça-federativa de um povo e nação da qual iriam sair muitas nações e dinastias e da qual viria o Messias (Gênesis 12: 1-9; 15; 17; Gálatas 3)! Assim, teve o cuidado, prudência, paciência e sabedoria de não escolher qualquer pessoa para ser sua esposa e além do mais entregou nas mãos de DEUS e da pessoa que estava como autoridade direta em sua vida (que neste caso foi seu pai Abraão) a escolha de sua esposa e, confiou na direção e estratégia de seu pai e de sua mãe Sara que, apesar de ter morrido, provavelmente também tenha conversado com Abraão sobre como deveria se proceder a escolha da esposa para seu filho e que não permitisse jamais que ele se casasse com as mulheres da Canaã por serem corruptas e promiscuas espiritualmente e sexualmente! Quem dera que todos(as) os(as) filhos(as) confiassem nos conselhos e advertências dadas por DEUS e por seus pais e mães em relação às escolhas de parceiros para serem seus namorados(as), noivos(as) e futuros(as) esposos(as)!
c)  O mordomo de Abraão ao ter encontrado as possíveis pretendentes não se deixou seduzir pela aparência e formosura, mas estabeleceu uma estratégia e pediu um sinal de confirmação a DEUS a respeito de quem era a mulher escolhida por DEUS para se casar com Isaque! Quem dera que todos os(as) olheiros(as) que buscam mulheres para os seus amigos e patrões se relacionarem tivessem esta mesma sabedoria e atitude de Eliezer;
d) Isaque e Rebeca realmente confiaram em DEUS e não colocaram a aparência física, beleza, sensualidade e nem condições financeiras (riqueza material) como critério principal e nem em primeiro lugar para a escolha conjugal, pois Isaque aceitou a estratégia estabelecida por seu pai e no momento de partida do seu mordomo ficou orando (intercedendo) para que DEUS guiasse seu mordomo no caminho de ida e volta e na escolha certa! E, Rebeca mesmo sem conhecer a aparência física de Isaque e como eram seus costumes de tratamento com as pessoas percebeu e entendeu que DEUS estava à frente desta questão e aceitou viajar para uma terra desconhecida e com uma pessoa desconhecida para se tornar a esposa de Isaque um homem desconhecido! Que coragem e fé de Isaque em confiar a outras pessoas (DEUS, seu pai e seu mordomo) a escolha de sua esposa e também que coragem e fé de Rebeca e de sua família em acreditar na conversa de um desconhecido (o mordomo de Abraão chamado Eliezer cujo nome significa "meu DEUS e auxílio") e aceitar viajar com um desconhecido, para uma terra desconhecida para se encontrar e se casar com uma pessoa desconhecida num tempo onde o tráfico e escravidão de mulheres era algo comum, aceitável, legitimado e legalizado nas sociedades da época, mulheres estas que podiam inclusive ser comercializadas para servirem de escravas sexuais e mais uma concubina no harém de homens ricos e até de sultões, califas e reis! Quem dera que todos os homens e mulheres tivessem este mesmo sentimento, sabedoria, fé e coragem de Isaque e de Rebeca!
e)  Isaque e Rebeca não se comportaram como "cientistas e chefs sexuais" como se um e outro fossem uma comida a ser experimentada e provada antes do casamento formal diante das autoridades legais constituídas (eclesiásticas ou civis), ou seja, não tiveram o sentimento e atitude malignos (infelizmente muito comuns nos dias de hoje) de dizerem um ao outro: preciso experimentar sexualmente ele(a) para ver se ele(a) é bom na cama e como é o seu desempenho sexual! Realmente, o espírito maligno do canibalismo e da defraudação emocional (I Tessalonicenses 4) manifesta a sua presença na vida de uma pessoa não apenas na atitude de alguém querer comer fisicamente a carne de outro ser humano e na execução deste ato, mas também espiritualmente através da promiscuidade sexual pelos relacionamentos de fornicação (de manter relações sexuais sem ser casado) e de adultério fazendo respectivamente a pessoa achar que tem que experimentar e provar sexualmente a outra pessoa antes do relacionamento formal de casamento ou achar que a pessoa tem que experimentar e provar sexualmente algo diferente dentro do casamento (com relações sexuais contrárias à natureza) ou fora do casamento! E, conforme DEUS adverte, ai daqueles que se entregam às sugestões, aos desejos e à escravidão deste espírito demoníaco (Miquéias 3: 1-3; I Coríntios 6; I Tessalonicenses 4: 1-8; Hebreus 13: 1-4; Apocalipse 22)! E, inclusive na minha caminhada de vida Cristã tenho visto e observado que os prejuízos espirituais, psicológicos, emocionais, na saúde física e financeiros são muitos para as pessoas (sejam elas religiosas praticantes ou não) que se deixam levar por este espírito maligno aceitando as suas sugestões, caindo e depois não se libertando deste espírito maligno e, ai delas se não se libertarem deste espírito maligno enquanto há tempo e partirem desta Terra morrendo sem reconhecerem seu erro! Quem dera que todos os homens e mulheres tivessem este mesmo sentimento, sabedoria, fé e coragem de Isaque e de Rebeca!  
f) Isaque e Rebeca esperaram, guardaram e deram um ao outro o que tinham de melhor de si mesmos no propósito de formarem uma família a serviço de DEUS na Terra! Quem dera que todos os homens e mulheres tivessem este mesmo sentimento, sabedoria, fé, coragem, propósito e disposição de Isaque e de Rebeca de viverem a vida e formarem uma família para ser instrumento de bençãos de DEUS para todos os povos e nações da Terra!
Sabe, desde pequena como leitora e estudiosa que eu sempre fui da Bíblia e praticante de seus ensinamentos eu sempre no íntimo do meu coração desejei ter um Isaque como esposo e, ultimamente tenho cada vez mais entregue a minha vida sentimental a DEUS para que ele cuide dela como cuidou da vida sentimental de Rebeca e Isaque, pois a minha vida é pautada até hoje no altar de DEUS e diante do Seu Trono, portanto tenho consciência que só devo me casar com alguém que queira viver também com a sua vida pautada no altar de DEUS e diante do Seu Trono!
Sabe, conversando com aquela minha amiga íntima que eu conheço e da qual já falei dela neste blog em outras postagens, ela me disse que nestes dois últimos anos ela amadureceu muito nesta questão sentimental, pois DEUS a colocou para interceder por uma pessoa e sua família e abordá-las com palavras de advertências, pessoa esta que se lhe havia apresentado a possibilidade de se relacionar com ela caso a mesma se convertesse a DEUS! E, JESUS lhe mostrou muitas coisas, lhe deu muito entendimento e sabedoria espiritual a respeito do relacionamento conjugal entre um homem e uma mulher, sobre como travar batalhas espirituais e lhe fez ter experiências incríveis de revelação e relacionamento com ELE onde ELE falou com ela diversas vezes e até hoje tem falado com ela de forma direta e de um modo que ela jamais havia ouvido DEUS falar assim com ela e também jamais pensou que JESUS ainda falava assim com os seres humanos! E, inclusive JESUS mostrou que a pessoa que ela intercedeu está envolvido e pretende se casar com uma pessoa que além de ser pervertida sexualmente, ser uma feiticeira (envolvida com bruxaria) e não adequada para a posição que ele representa na sociedade em que vive, por diversas vezes tentou lhe eliminar (matar esta minha amiga) com suas bruxarias e também faz até hoje bruxaria contra a sua pessoa e a mãe deste rapaz que desde o início nunca concordou com este relacionamento! Também mostrou que a mãe dele, o seu pai e o rapaz com raiva desta minha amiga andaram também encomendando bruxarias para destruir esta minha amiga e a sua família! 
Sabe, interessante é que esta experiência que esta minha amiga íntima passou nem mesmo seus familiares mais íntimos (pai, mãe e irmão) souberam e nem imaginam esta situação que ela passou, pois foi algo entre ela, JESUS, este rapaz e sua família, de modo que se porventura ocorresse a possibilidade deste rapaz se libertar desta mulher, se converter a DEUS e se ele quisesse se relacionar com ela, ela não saberia nem por onde começar e como contar ao seu pai, mãe e irmão esta história que viveu, e, ela me disse isto porque este episódio de sua vida e como ele ocorreu teria que ser contado para eles, pois fazemos parte de uma sociedade de uma região do Brasil onde em geral as pessoas das comunidades religiosas que frequentamos agem assim, ou seja, se um homem pretende se relacionar com uma mulher tem que conversar primeiro com seu pai e mãe e, na falta do pai conversar com o seu irmão (caso ele exista) mostrando suas intenções com a pretendida! E este costume que citei não é só das comunidades religiosas protestantes que frequentamos, pois tenho amigas e amigos que são de comunidades religiosas católicas e espíritas cujas famílias também possuem este comportamento quando se trata de questão de namoro, noivado e casamento de suas filhas! E, ele também teria que aceitar ter um acompanhamento pastoral neste relacionamento com a pretendida! Esta minha amiga íntima que eu conheço também me segredou que caso viesse a se relacionar com este rapaz a sua vida e de sua família mudaria bastante, pois lhe foi mostrado por JESUS que lhe seria exigido que teria que mudar várias coisas em sua forma de viver, de falar, etc, diante da posição que este rapaz representa na sociedade em que vive, entretanto, a família do rapaz acha que ele não tem que mudar coisa alguma!  
Sabe, interessante é que no período desta experiência que esta minha amiga íntima passou ela descobriu que não foi a única pessoa que passou por esta situação inusitada de interceder e entrar em batalha espiritual para que alguém fosse liberto do poder de Satanás, pois conversando com uma amiga sua de outra comunidade religiosa, com uma amiga sua de trabalho e com um amigo seu de profissão sobre esta experiência que ela passou (sem citar o nome do rapaz, de sua família, onde ele mora, qual a sua posição na sociedade e sem citar os pormenores de tudo que JESUS lhe mostrou em relação a este rapaz, à sua família e à mulher que ele está envolvido sentimentalmente) eles lhe disseram o seguinte:
- A sua amiga de outra comunidade religiosa lhe disse que passou por uma experiência desta parecida com a que ela passou e a pessoa que ela batalhou espiritualmente para que fosse liberto de Satanás não foi liberto, pois mesmo tendo sido avisado, decidiu continuar envolvido com a pessoa que estava se relacionando e terminou se casando assim mesmo com esta outra pessoa que também é feiticeira praticante! E, esta sua amiga, que é amiga desta amiga minha íntima que conheço, também lhe disse que apesar de ter sofrido bastante amadureceu e cresceu muito com esta experiência que passou, sabe que fez a sua parte e que ele decidiu ficar com a outra pessoa pelo exercício próprio do livre arbítrio de sua vontade e, ela já está até em processo de conhecimento de outra pessoa visando namoro, pessoa esta que realmente ao que tudo indica é o seu Isaque!;
- A sua amiga de trabalho, uma Senhora espiritualista, disse-lhe que está passando por uma experiência desta só que é em relação ao seu filho que se separou de sua esposa e resolveu cair em adultério com uma mulher que também é feiticeira praticante e ela tem travado muitas batalhas com este seu filho que mudou muito de comportamento, quase já morreu por enfermidades por causa deste relacionamento e até hoje está com sua vida muito atrapalhada e prejudicada espiritualmente, emocionalmente, psicologicamente, na sua saúde e financeiramente! Ela inclusive lhe disse que a situação que esta minha amiga íntima passou foi algo muito sério, que ela teve muita sabedoria e maturidade para enfrentar esta situação e que ela poderia inclusive ter morrido, pois ela agiu e interviu em prol de uma pessoa que estava naufragando e que por isto as entidades malignas (demônios) que querem destruir a vida dele tentaram destruir a sua vida, assim como acontece até hoje com ela em relação ao seu filho!      
- O seu amigo de profissão que também é espiritualista lhe disse que também passou por uma situação desta de ajudar alguém que estava com a sua vida naufragando e as entidades malignas ficaram com muita raiva dele e, ele ainda lhe disse que esta minha amiga íntima já tinha feito a sua parte e estava na hora de sair de cena e deixar que o rapaz e sua mãe resolvessem isto, até mesmo porque ele já foi avisado e alertado, se meteu nesta situação porque quis e porque estava desprotegido espiritualmente por não cuidar como deveria cuidar de sua vida espiritual e, pelo fato de não ter experiência de como se relacionar com pessoas do nível desta pessoa que ele está envolvido emocionalmente é por isto mesmo que está tão enfeitiçado e enrolado! E, assim, desde o ano passado esta amiga minha íntima saiu de cena e deixou esta questão nas mãos de JESUS, do rapaz e de sua família, pois ela, antes de conversar com este seu colega, já havia sentido em seu coração que o recado já foi dado e deveria cuidar de outras coisas tendo em vista que agora a decisão de sair deste relacionamento errado tem que ser executada pelo rapaz!       
Eu não sei se o rapaz concretizou ou concretizará este relacionamento errado com a mulher que ele já convive há mais de três anos e se selou ou selará este relacionamento errado em união de casamento, mas nós temos a certeza de que ela fez a sua parte e está com a consciência tranquila que se não for ele o seu Isaque com certeza JESUS tem alguém ou algo melhor para a sua vida e há um bom tempo está com o seu coração aberto para outra pessoa!
Assim, querido(a) leitor(a), eu termino esta postagem de hoje com a oração de que você tenha este mesmo espírito, sentimento e sabedoria de Isaque e Rebeca, pois com certeza DEUS (PAI, Seu Filho JESUS e o Seu ESPÍRITO SANTO) vai lhe honrar e tem sempre alguém ou algo melhor para a sua vida, inclusive na sua área sentimental...

Pra.Carmem (Pra. Acsa)

Um comentário:

juventudeprofetica disse...

Que a inspiração do mês das noivas traga sobre os solteiros e solteiras a revelação que Deus tem pra cada um de nós.