MINISTÉRIO GRAÇA E PAZ

MINISTÉRIO GRAÇA E PAZ - EDIFICANDO O CARÁTER E A LIDERANÇA NA IGREJA DO SENHOR JESUS CRISTO

UNIVERSIDADE TEOLÓGICA GRAÇA E PAZ – Site: https://sites.google.com/site/icfeinstitutocristaodeformacao/

(Gênesis 17:1) - "Eu Sou o Deus Todo-poderoso; anda em minha presença e sê íntegro".

(Levítico 19:2) - "Portanto, santificai-vos e sede santos, pois Eu sou o Senhor vosso Deus";

(Provérbios 14:34) - "A justiça exalta os povos, mas o pecado é a vergonha das nações".

(Apocalipse 22:11) - Quem é injusto, faça injustiça ainda; e quem está sujo, suje-se ainda; e quem é justo, faça justiça ainda; e quem é santo, seja santificado ainda.

sábado, 4 de junho de 2016

* 41-CUIDANDO DA VINHA E COMPARTILHANDO O SEU FRUTO: APRENDENDO COM UMA HORTA DE VASOS...

Graça e Paz, Queridos Leitores(as)!

Aqui estamos de volta depois um período onde abrimos espaço nesse blog para outros pregadores(as) ensinarem também a Palavra de Deus e nos trazerem importantes revelações e entendimento de sabedoria a respeito principalmente sobre o iminente arrebatamento (trasladação) dos discípulos de Jesus aos Céus, sobre a brevidade da volta do Senhor Jesus Cristo à Terra e a necessidade de nos aperfeiçoarmos na comunhão e santidade....
Portanto, aqui estamos de volta após um longo período onde, especificamente para mim, tive que tomar decisões importantes e alçar novos vôs e projetos em várias áreas de minha vida pessoal, familiar, profissional e de Ministério Eclesiástico diante dos fatos e desafios que me foram apresentados....
Assim, a nossa reflexão de hoje trata de várias lições de aprendizado que tive recentemente com uma horta em vasos que resolvi fazer experimentalmente com minha mãe, projetada por mim há cerca de dois anos e cujo período de preparo do solo nos vasos até a colheita da horta durou de Fevereiro até Abril desse ano de 2016.... Eis então os ensinamentos que obtive com essa pequena horta:
- O primeiro ensinamento que obtive foi a respeito de um ensinamento que o Senhor Jesus me deu em 2009 a respeito de uma Palavra Bíblica que Ele me abriu o entendimento quando eu estava lendo a Bíblia (em Cantares de Salomão 2:10-15), ensinamento esse que foi postado no nosso blog Pastoral (no dia 17/08/2009) e que eu apenas falarei brevemente aqui, pois vocês poderão ler completo no blog essa mensagem cujo titulo é "Porque o inverno já passou, a primavera chegou"... O ensinamento diz respeito à liderança, relacionamentos (sejam eles quais forem, conjugal, amizade, etc) e ao cuidado que devemos ter sempre que formos iniciar algo novo seja fazendo a Obra de Deus, seja na nossa vida pessoal, profissional, sonhos de um novo projeto de vida, etc...
E, porque me lembrei dessa Palavra que Jesus me deu em 2009? Porque quando eu estava fazendo os preparativos finais para iniciar o plantio da horta (terminando de encher os vasos com composto orgânico) me deparei com uma variável que eu não esperava: eu havia comprado composto orgânico de diferentes procedências e, no último lote que eu estava tirando o composto pra colocar nos vaso de repente encontrei uma lagarta enorme dentro do composto toda enrolada! Eu até pensei que ela estava morta, mas ao colocar ela no chão a mesma se desenrolou e começou a andar! Aí eu peguei o saco e resolvi peneirar todo o composto e, pra minha surpresa, encontrei quase 10 lagartas vivas, bem gordinhas, só esperando então eu plantar a horta de legumes e folhosas pra comê-las! Eu tive assim que rever todos os 12 vasos e peneirar os vasos que haviam recebido esse novo composto para ver se porventura os mesmos não estavam também infectados com a praga de lagartas, pois apesar de terem recebido há cerca de três meses composto limpo eu havia completado alguns desses vasos com o novo composto infectado por lagartas! E, o que mais me impressionou é que esse composto infectado eu havia comprado há mais de um mês e estava dentro de um saco fechado! 
Sabe, assim como Salomão advertiu que precisamos ter cuidado com as raposas e raposinhas que devastam os vinhedos quando chega a primavera, precisamos ter também muito cuidado com os demais agentes nocivos que podem destruir a primavera das oportunidades de algo novo que estamos a iniciar em nossas vidas! 
Pense bem nisso: Precisamos, como Jesus nos ensinou (Mateus 26:41), sempre estar alerta e vigilantes em relação  às possíveis brechas e portas que porventura estejamos deixando abertas sem nem mesmo nos dar conta, brechas e portas essas que servirão para as raposas, raposinhas, lagartas, moscas, lobos, etc, (Eclesiastes10; João 10)  devorarem as nossas plantações, o rebanho e estragarem o perfume....É por isto também que nós que estamos à frente dos Ministérios e Igrejas temos que ter cuidado redobrado nas Igrejas com quem está querendo ministrar no Altar, pois o mesmo é um lugar de referência onde se atesta que a pessoa que lá está para louvar, ensinar, etc, está lá porque tem vida consagrada e está em santidade (separado do pecado, em obediência a Deus), pois caso não tenhamos esse cuidado podemos ter grandes e desagradáveis surpresas e prejuízos à Obra de Deus e às ovelhas as quais poderão ser enganadas, defraudadas, abusadas e até mesmo se desviarem por causa da porta aberta do Altar a alguém que não deve ocupá-lo! O mesmo cuidado vale para as pessoas que estamos confiando para nos representar seja numa instância micro ou macro (postos e cargos governamentais, etc)!
Muito cuidado inclusive com quem você está escolhendo para fazer parte do ser círculo de amizades (I Coríntios 15:33), para ser seu conjugue (Amós 3:3; I Coríntios 7:39), quem você está para colocar como parceiro em algum projeto de vida profissional ou para ser sócio em algum empreendimento (II Coríntios 6:14), etc! 
Peça orientação e revelação a Deus e observe as atitudes dessa pessoa (Mateus 12:33) para ver se realmente vale a pena você compartilhar seu sonho e iniciar alguma parceria de trabalho, de amizade, de vida sentimental com ela ou abrir a Porta do Ministério e do Altar pra ela, pois, como as lagartas escondidas no saco de composto que comprei para colocar na horta, quando você menos esperar poderá se deparar com desagradáveis surpresas, ter todos seus sonhos e projetos de vida destruídos, ter um grande prejuízo na Obra de Deus e em sua vida ministerial, etc!  Pois é! Por pouco um projeto de quase dois anos de sonho e investimento e quase seis meses de preparo do solo, se eu não tivesse visto e não tivesse o cuidado em remover o que precisava ser removido poderia ser todo destruído comido pelas lagartas...
- Os outros ensinamentos que obtive foi com o resultado final da horta e a colheita de seus produtos! Depois de quase 80 dias de cuidado da horta eu e minha mãe fomos fazer a colheita final...Eis os resultados: das 10 espécies que plantei, colhi apenas três (aproveitei apenas 30% do que plantei)! E quais os motivos de tanta perda? Primeiro as intempéries: várias chuvas fora de época inundaram os vasos trazendo depois fungos nas plantas tendo algumas delas morrido. O excesso de umidade devido às chuvas fora de época também fez com que outras plantas fossem atacadas por viroses. Outras plantas morreram por terem sido atacada por praga de insetos que comeram todas as folhas impedindo assim a fotossíntese e levando a planta à morte!. E outras plantas sequer germinaram, pois a qualidade das sementes não era boa! Interessante é que as três espécies que sobreviveram estavam no mesmo habitat, sofreram os mesmos problemas das chuvas, ventos fortes e sequer foram atacadas por fungos, pragas, viroses e  nem morreram, mas cresceram de forma exuberante, toda semana colhíamos nelas e só foram arrancadas por mim porque resolvi melhorar a qualidade geral dos solos dos vasos com mais fertilizante e colocando calcário e por causa da chegada do período de chuvas no Nordeste brasileiro.... Portanto, aprendi que jamais devemos esquecer que: 
1) Além do cuidado com o substrato que servirá de base para seu projeto o qual deve estar bem nutrido e isento de lagartas também é preciso ter cuidado com o tipo e a procedência das sementes que você está plantando! Interessante é que as três espécies que sobreviveram aparentemente eram as mais frágeis às intempéries quando  comparadas com as outras, pois elas possuem o caule bem mais fino e são menores e mais delicadas que as outras plantas!  Realmente, como diz um ditado popular no Brasil, tamanho não é documento, ou seja, não é garantia de sucesso, vitória e nem de poder para enfrentar e sobreviver a determinadas intempéries (adversidades) que vêm contra alguém!
2) Em todo e qualquer projeto, sonho, empreendimento, existência em geral, etc, temos que estar preparados em relação às variáveis (fatos) inesperadas e que não temos controle sobre elas! Nesse caso será a procedência do material que vai dizer se ele(a) estava ou não preparado e era adequado(a) para aquele local e adversidades que virão contra ele(a)! O Senhor Jesus Cristo também nos ensinou sobre essa verdade (Mateus 7:24-29; 13:28-30, 36-44)! 
Eu pergunto agora: Como estão os seus sonhos, projetos de vida, sua saúde emocional e física e sua vida espiritual de relacionamento e comunhão com Deus e com a sua família e amigos? Que materiais você escolheu pra servir de base? Que tipo de sementes e qual a procedência das sementes que você está plantado? Temos zelado de fato pela Obra de Deus na Terra? Prestemos muita atenção ao que Deus nos alerta nessa questão (Jeremias 48:10; Malaquias 1:6-14)! 
Todo discípulo de Jesus Cristo que se preza deve não apenas desejar a volta de Jesus à Terra, mas também testemunhar fazendo assim a sua parte para que isso se realize (Mateus 24:14; 28:18-20; Atos 1:7-8)! Portanto, tem você orado pelos Ministérios e pelas Igrejas em toda a Terra? Tem você sido um dizimista e ofertante fiel cooperando assim para o sustento e avanço da Obra de Deus na Terra? Tem você sido uma fiel testemunha falando às outras pessoas como Jesus é bom e o que Ele fez e continua fazendo de bom por você e pela sua família e pelo seu País (Marcos 5:18-20)?
Se porventura você percebeu que fez escolhas erradas e está colhendo o fruto, as consequências dessas escolhas não se desespere, não deseje e nem faça o mal contra outras pessoas (principalmente àquelas que lhe advertiram e lhe aconselharam para o seu bem e você não ouviu), pois se fizer isso o(a) maior prejudicado(a) continuará a ser você mesmo(a) e ao final será completamente destruído(a)! Também jamais culpe outras pessoas, pois a escolha e decisão final foram suas (Gálatas 6: 7-8)! O Que fazer então? Pedir perdão a Deus, entregar a sua vida a Cristo e começar a pedir a Ele que lhe ensine como enfrentar e sair dessa situação de adversidade e problema que você porventura esteja enfrentando seja ele qual for, pois com certeza Jesus jamais vai lhe rejeitar e vai lhe ensinar como sair da situação e do problema que você está enfrentando, pois Ele mesmo diz:
Mateus 11:28-30
28 - Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei.
29 - Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração; e encontrareis descanso para as vossas almas.
30 - Porque o meu jugo é suave e o meu fardo é leve.
João 6:35-40
35 - E Jesus lhes disse: Eu sou o pão da vida; aquele que vem a mim não terá fome, e quem crê em mim nunca terá sede.
36 - Mas já vos disse que também vós me vistes, e contudo não credes.
37 - Todo o que o Pai me dá virá a mim; e o que vem a mim de maneira nenhuma o lançarei fora.
38 - Porque eu desci do céu, não para fazer a minha vontade, mas a vontade daquele que me enviou.
39 - E a vontade do Pai que me enviou é esta: Que nenhum de todos aqueles que me deu se perca, mas que o ressuscite no último dia.
40 - Porquanto a vontade daquele que me enviou é esta: Que todo aquele que vê o Filho, e crê nele, tenha a vida eterna; e eu o ressuscitarei no último dia.
Marcos 10:26-27
26 - E eles se admiravam ainda mais, dizendo entre si: Quem poderá, pois, salvar-se?
27 - Jesus, porém, olhando para eles, disse: Para os homens é impossível, mas não para Deus, porque para Deus todas as coisas são possíveis.

Lucas 6:17-19
17 - E, descendo com eles, parou num lugar plano, e também um grande número de seus discípulos, e grande multidão de povo de toda a Judéia, e de Jerusalém, e da costa marítima de Tiro e de Sidom; os quais tinham vindo para o ouvir, e serem curados das suas enfermidades,
18 - Como também os atormentados dos espíritos imundos; e eram curados.
19 - E toda a multidão procurava tocar-lhe, porque saía dele virtude, e curava a todos.
Pois bem! Tem mais alguns segredos que fizeram as três plantas sobreviverem apesar de serem bem delicadas e aparentemente mais frágeis que as outras plantas! Elas têm cada uma características particulares próprias e uma em comum: duas delas têm um odor forte que serve de repelente contra insetos e o seu gosto também não é agradável ao paladar dos insetos! A terceira planta também tem um gosto amargo que não é agradável ao paladar dos insetos! E, as três ainda apresentam uma característica em comum muito importante: nascem e crescem não como uma planta isolada (como as outras que morreram e eram bem maiores e de caule mais grosso), mas sim como uma planta coletiva com vários ramos e caules formando assim um conjunto com vários caules e folhas bem juntinhas ficando assim bem resistentes inclusive ao vento e às demais intempéries! 
Sabe, nós como Igreja de Cristo precisamos cada vez mais aprender e saber trabalhar em equipe em vez de "euquipe"! Precisamos saber que somos chamados por Deus para que o paradigma da cooperação seja o nosso lema de vida em todas as dimensões de nossa existência e não o paradigma da competição que até hoje norteia o mundo corrompido pelo pecado e governado pelo Diabo onde vale tudo para se ter e chegar onde se quer e para ocupar o topo da pirâmide!  
Sei que isso não é fácil nos dias de hoje onde inclusive essa nossa atitude é vista como fraqueza e que pode até trazer inveja de outras pessoas e até mesmo nos excluir de grupos de trabalho onde as bajulações, falsidades, calúnias e traições são os valores da cultura organizacional da maioria dos ambientes de estudo, de trabalho e na política! 
Sabe, o nosso estilo e modo de vida deve ser de tal forma que o mal ao chegar perto de nós perceba um odor e um gosto que o afaste pra bem longe de nós, vendo assim que não temos afinidade alguma com ele para que assim ele não encontre ambiente algum favorável para se instalar em nós, na nossa família, etc e venha assim nos destruir (Mateus 5:13-16; Marcos 9:49-50; II Coríntios 2:14-17)! 
Finalizando, digo que estou muito contente com mais esse aprendizado de vida que o Senhor Jesus me deu e me possibilitou compartilhar com vocês, Amém...

Pra. Carmem (Pra. Acsa)


Nenhum comentário: